OS- Instalando Arch Linux no Raspberry pi 2 & 3- Guia iniciante básico – parte II.

Arch no Rasp

 

Opa , tudo bacana ai? Minhas queridas amigas e amigos !!!

Hoje vamos continuar fazendo a instalação do Arch Linux no Raspberry Pi 2 & 3, caso tenha perdido o primeiro post, esta AQUI.

Como devem ter percebido o Arch Linux é meio cru e devemos dar um trato, uma gariba, um embelezamento na fera, para que possamos usufrir totalmente de seu poder.

Inicialmente vamos começar com configurações básicas do Arch Linux no Raspberry Pi 2 & 3.

1- Segurança em primeiro lugar.

Façam o login com o usuário root , senha root e mudem a senha com o seguinte comando

\> passwd  – O Arch vai pedir a senha do root e depois você coloca a nova senha e pronto.

2- Conectando-se ao raspberry pi via conexão SSH.

\> ssh root@endereço ip do raspberry pi  – vai pedir a senha você digita e pronto esta usando

3- Editando o arquivo motd

Esse arquivo é o cartão de vista de sua conexão SSH ou seja toda vez que acessar seu RaspArch via ssh irá aparecer um texto e informações que podem ser totalmente personalizadas, particularmente eu sempre apago ou diminuo bastante o tamanho desse arquivo. mas como gosto não se discute você pode dar uma personalizada no mesmo com um shell script e dar uma embelezada com uma ASCII ART.

motd-ascii

    \> nano /etc/motd  – faça as alterações que achar necessário , pode por exemplo fazer tudo que esta nesse LINK.

4- Atualizando o Arch Linux e fazendo update no sistema.

     \> pacman -Syyuu – O pacman é o nosso famoso instalador de pacotes com ele você pode fazer tudo meus amigos.

      Mais instruções sobre como usar o Pacman AQUI.

Ps: Vai demorar um pouco, “maiiss” compensa viu : )

5- Criando um novo usuário

\> useradd -m -g nome_do_seu_grupo(dica pode ser users) -s /bin/bash nome do usuário

Onde esta nome_do_seu_grupo é o local onde vai ser feita a associação com seu nome de usuário para o grupo, normalmente pode ser users ou usuarios,etc…

6- Instalação do nosso primeiro programinha o SUDO

Como bens deve saber cara leitor@ o sudo dá altas permissões ao coração do sistema, coisas de ROOT  : ) , para poderes instalar a vontade programinhas e mais programinhas.

\> pacman -S sudo

7-Adicionando o nosso usuário ao Sudoers

Agora vamos editar o arquivo sudoers para que possamos dar permissões especiais ao nosso usuário.

\> nano /etc/sudoers

Bom dentro do arquivo utilizando o bom e velho nano , vamos procurar a linha para fazer a alteração, digite:

\> CTRL+W e depois digite ROOT

Vai estar escrito root ALL=(ALL) ALL abaixo dessa linha edite e escreva

nome_de_usuário ALL=(ALL) ALL , após digite CTRL+O para gravar e depois CTRL+X para sair.

 

 

Nossa como o tempo passa, amanhã tem a continuação e finalização desse tutorial , beijos e abraços 🙂 . Chovendo muito aqui ,nossa você viu o raio …

Que tal nos encontrar no SeuTubo para ver dicas, tutoriais e Reviews de placas? Canal Sistemas Embarcados

Que tal na página do Facebook?

Ou Instagram?

Quem sabe Google Plus?

Conheça também nossos grupos do Facebook:

Forte abraço e até o próximo embarcado.

 

 

 

Related Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Protected with IP Blacklist CloudIP Blacklist Cloud