Pine 64 – Começaram a sair os Reviews

Pine 64

É isso mesmo meu amigo, a Pine 64 já está chegando a porta das pessoas de todo o mundo. A minha mesmo está parada no buraco negro de Curitiba, e sabe-se lá quando eles vão liberar.

Logo que tiver a minha em mãos, vou fazer um vídeo review, mas, surfando nessa nave louca que se chama BBB interwebs, já começaram a sair os primeiros reviews.

Eu nem ia trazer esse assunto a tona, a não ser por um motivo: O Review foi extremamente negativo. Me chamou a atenção. Gostei do assunto e resolvi compartilhar.

Encontrei o Review da Pine 64 no Hackaday, no final do artigo fica o link para você ver no Original.

Review Pine 64

Pine 64-1

“Esta é uma avaliação abrangente da Pine 64, modelo mais barato. Com um 1.2 GHz Allwinner A64, 512MB de RAM, Ethernet, HDMI e duas portas USB.  Gostaria de mencionar o layout da Pine 64. É enorme, mais precisamente 127 milímetros x 79 milímetros. Isto é significativamente maior do que a atual safra de Raspberry Pi e o ODROID C2.”

“Em relação a Pine específico enviado para mim, a placa em si é  dobrado ao meio, com uma diferença visível entre a placa e o espaçador das pin headers. É difícil de fotografar, mas você pode vê-lo claramente. A placa funciona, mas eu estou surpreso que ela funcione”

Pine 64-2

“Depois de ter feito o download da imagem, você poderia esperar gravar uma imagem para um cartão microSD  exatamente igual a uma Raspberry Pi ou qualquer outro Linux Embarcado – usando Win32DiskImager ou dd. Isso não é verdade para todas as distribuições. De acordo com o wiki e fóruns Pine, o software recomendado para gravar a imagem para um cartão SD é PhoenixCard, um pedaço de software desenvolvido pela Allwinner que grava imagens. Pode começar com uma interface do usuário chinesa, e de acordo com membro da comunidade [Michael Larson] funciona um em cada quinze vezes.

Com uma maneira pouco confiante para escrever uma imagem de software para o cartão SD, você pensaria que a inicialização do Pine 64 seria fácil. Nem tanto. No momento da redação deste texto (e com várias tentativas), várias das imagens de distribuição simplesmente não funcionam. A distro Android não bootou na minha placa, a distribuição Arch não funcionou. A imagem do Ubuntu deu trabalho.

A experiência Ubuntu foi extremamente lenta na Pine 64 e eu sofri várias reinicializações. Como frisado anteriormente, testei todas as distribuições de software no wiki Pine 64 . Apenas a distribuição Ubuntu funcionou e funcionou mal, e agora considero o Pine 64 um desperdício de US $ 15. Isto irá mudar em um futuro próximo, e terei prazer em escrever um novo comentário quando eu puder inicializar a Pine.”

Bom, aí ele dá algumas explicações e etc…

Parece que essa plaquinha vai decepcionar muita gente, inclusive a mim, que tava esperando um Embarcado furioso (já que comprei a de 2gb de ram)!

Não é dessa vez que uma empresa vai tirar o trono das Odroids.

Para você acompanhar o axincalhamento completo, é só clicar AQUI!

Que tal nos encontrar no SeuTubo para ver dicas, tutoriais e Reviews de placas? Canal Sistemas Embarcados

Que tal na página do Facebook?

Ou Instagram?

Quem sabe Google Plus?

Que tal no Pinterest?

Ou talvez nos encontrar no Twitter para receber as ultimas noticias quentinhas: @SEmbarcados

E não esqueça que também tem o email, contato@sistemasembarcados.org

Conheça também nossos grupos do Facebook:

Forte abraço e até o próximo embarcado.